Comerciante da praça do Teatro Dix-Huit Rosado reivindica espaço

por Amanda Santana Balbi publicado 30/08/2017 15h50, última modificação 31/08/2017 08h56
Edvânia dos Santos Silva ocupou a Tribuna Popular da sessão dessa quarta-feira (30) para reivindicar espaço para os trabalhadores que utilizavam a praça do Teatro Municipal Dix-Huit Rosado. Há 29 dias, a Prefeitura de Mossoró retirou os trabalhadores do local.
Comerciante da praça do Teatro Dix-Huit Rosado reivindica espaço

Foto: Edilberto Barros

Edvânia dos Santos Silva ocupou a Tribuna Popular da sessão dessa quarta-feira (30) para reivindicar espaço para os trabalhadores que utilizavam a praça do Teatro Municipal Dix-Huit Rosado. Há 29 dias, a Prefeitura de Mossoró retirou os trabalhadores do local.

Edvânia relatou as dificuldades financeiras que ela e outras famílias que trabalhavam no local estão enfrentando por não poderem ocupar a área e pediu apoio dos vereadores para solucionar o problema. “Já fizemos visita à prefeita Rosalba Ciarlini e à secretária Kátia Pinto pedindo uma solução, mas não obtivemos respostas. Estamos passando necessidade, com contas atrasadas. Trabalhava na área há nove anos com o aluguel das motinhas. Muitas famílias dependem das atividades desenvolvidas naquela praça.”, relatou.

Os vereadores se colocaram à disposição para intermediar uma solução junto à Prefeitura Municipal e os trabalhadores. “Temos que buscar uma solução que atenda às exigências de ordenamento urbano de Mossoró e que atenda também às necessidades dos trabalhadores.”, sugeriu Sandra Rosado (PSB). “A prefeitura está tentando devolver o espaço público ao cidadão. De maneira adequada podemos atender as exigências de todos.”, disse Francisco Carlos. Os vereadores Genilson Alves, Ozaniel Mesquita, Alex do Frango e Rondinelli Carlos também se pronunciaram para buscar soluções. 

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.