Vereadores comentam onda de violência em Mossoró

por Nicole Maria de Abreu e Silva publicado 14/03/2017 15h50, última modificação 14/03/2017 15h50
Na próxima quinta-feira, 16, a Câmara Municipal realizará audiência pública sobre o tema.

Na sessão da manhã desta terça-feira (14/03), na Câmara Municipal de Mossoró, os vereadores destacaram a onda violência que acometeu a cidade de Mossoró nestes últimos dias, sobretudo o caso dos assassinatos de cinco jovens no bairro Boa Vista, ocorrido no último sábado (11/03).

O vereador Professor Francisco Carlos destacou a importância da educação como forma de combater a violência. “É preciso investir em escolas de tempo integral.”, declarou. A vereadora Izabel Montenegro (PMDB) citou a importância da geração de emprego para diminuir a criminalidade. “Precisamos ocupar estes jovens com trabalho. Atrair empresas que gerem emprego e renda para Mossoró.”, reforçou.


Câmara Municipal realiza Audiência Pública sobre violência

A Câmara Municipal de Mossoró, vai realizar, a partir das 14h desta quinta-feira (16/03), no plenário da Casa, Audiência Pública para discutir a onda de violência que assola a cidade. A proposição da audiência é da Presidente da Câmara, vereadora Izabel Montenegro (PMDB).

Durante a sessão ordinária desta terça-feira (14/03), a vereadora aproveitou para convidar autoridades e população. “Faço um convite para que representantes da sociedade civil organizada, autoridades e pessoas que possam contribuir venham participar da audiência. Vamos nos unir para encontrar soluções para Mossoró.” pediu.

 

UFERSA

O vereador Professor Francisco Carlos (PP) parabenizou os alunos de Direito da Universidade Federal do Semiárido (UFERSA), que obtiveram nota máxima no exame do Ensino Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade). “Todos os 29 alunos do curso de Direito da UFERSA obtiveram nota máxima. São jovens como esses que deveriam ser enaltecidos na nossa sociedade. São esses jovens que são referência.”, declarou.

 

Orgulho

O vereador Rondinelli Carlos (PMN) parabenizou o escritor e diplomata mossoroense João Almino, que foi escolhido para ocupar a cadeira 22 da Academia Brasileira de Letras (ABL). “João Almino é exemplo para Mossoró e é motivo de orgulho para a população da cidade.”.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.