Vereadores questionam aumento do IPTU

por Amanda Santana Balbi publicado 09/05/2017 14h01, última modificação 09/05/2017 14h01
Os parlamentares alegam que o aumento do imposto foi alto para muitos moradores mossoroenses, que não podem arcar com os novos valores.
Vereadores questionam aumento do IPTU

Foto: Edilberto Barros

Os vereadores Rondinelli Carlos (PMN) e Genilson Alves (PMN) falaram, na sessão desta terça-feira (09/05), sobre o aumento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). Os parlamentares alegam que o aumento do imposto foi alto para muitos moradores mossoroenses, que não podem arcar com os novos valores.

“Muitas pessoas vieram me cobrar sobre a situação do IPTU. Elas me apresentaram pagamentos anteriores de 90 a 110 reais e este ano os valores estão em torno de 500 reais. É preciso que a prefeita se sensibilidade para que faça esses ajustes de forma gradativa.”, falou Genilson. “90% da população da cidade vêm reclamando do aumento do IPTU. Nós conclamamos que a prefeita possa rever essa questão.”, completou Rondinelli.

O vereador Alex Moacir (PMDB) explicou que o aumento do IPTU ocorreu por causa de uma revisão dos terrenos e construções na cidade de Mossoró. “Desde 2012 havia um projeto de mapeamento da cidade. O município não tinha atualização na base cadastral. O que ocorreu foi essa atualização dos gastos.”. O parlamentar deu como exemplo pessoas que tinham terreno e construíram casas, mas continuavam pagando o valor do IPTU como área não construída. 

FranNep
FranNep disse:
30/05/2019 15h51
Buy Diflucan Pill Does Keflex Cause Yeast Infections <a href=http://levicost.com>cialis and levitra</a> Canadian Pharmacy 1 Kaufe Viagra Propecia Eficaz
FranNep
FranNep disse:
16/07/2019 20h04
Propecia Treatment High Blood Pressure Generic Legally Acticin Website Real By Money Order Lubbock [url=http://euhomme.com]buy generic cialis[/url] Viagra 100 Vs 50 Original Kamagra Online
Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.