Aline Couto faz retrospectiva do trabalho desenvolvido em 2018

por Amanda Santana Balbi publicado 22/01/2019 13h50, última modificação 22/01/2019 13h48
Vereadora apresentou mais de 200 proposições a favor do povo mossoroense

No ano de 2018, a vereadora Aline Couto apresentou mais de 200 proposições na Câmara Municipal de Mossoró, entre indicações de obras e projetos de lei para benefício do mossoroense.

Entre os projetos está o que institui a exigência de ficha limpa para nomeação de cargos comissionados nos poderes Legislativo e Executivo. O projeto Abrigo Noturno, que visa oferecer a pessoas em situação de rua um local para permanecerem entre às 17h e as 07h. E o projeto Março Lilás, que tem como objetivo promover campanhas de conscientização sobre o câncer de colo do útero no município de Mossoró.  

Para a saúde dos estudantes mossoroenses, a vereadora propôs a proibição de refrigerantes, embutidos, sucos em pó e sucos em caixa denominados néctar no cardápio da merenda das creches e escolas públicas municipais. Os projetos estão em tramitação na Câmara Municipal de Mossoró. 

A vereadora Aline Couto também é autora da Lei que reconhece o evento Mossoró para Cristo como patrimônio imaterial da cidade de Mossoró. “Devido a grande importância do evento, solicitamos o reconhecimento do Mossoró para Cristo como patrimônio imaterial de nossa cidade. O maior objetivo deste evento é conseguir reunir os fiéis da igreja evangélica, contribuindo para o crescimento da fé cristã no município, sendo hoje um expressivo evento do seguimento evangélico na cidade de Mossoró”, destacou.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.