Câmara reconhece interesse social de turismo em salinas

por Regy Carte publicado 06/08/2019 13h05, última modificação 06/08/2019 13h05
Proposição, aprovada hoje (6), é de autoria do vereador Alex Moacir
Câmara reconhece interesse social de turismo em salinas

Vereadores em trabalho de plenário nesta terça-feira, 6: projetos aprovados (foto: Edilberto Barros/CMM)

A Câmara Municipal de Mossoró reconheceu o interesse turístico e social do projeto Rota do Sal do Rio Grande do Norte, nesta terça-feira (6), ao aprovar projeto de lei nesse sentido (PLOL n º 115/2019), de autoria do vereador Alex Moacir (MDB).

A iniciativa leva em consideração impactos positivos no turismo, economia, emprego e renda do projeto Rota do Sal RN, que visa a fazer de salinas na região de Mossoró destino turístico, ao apresentar ao visitante toda a cadeia produtiva do sal.

“Com isso, o projeto mostra que o sal marinho é também um produto que vem a despertar o interesse turístico da nossa região, uma vez que escolas, universidades e turistas independentes vêm até Mossoró para conhecer todo o processo de produção desse importante produto”, diz Alex Moacir.

Reconhecimentos

Também na sessão desta terça-feira (6), o plenário aprovou os projetos de Decreto Legislativo (PDLs) 92/2019 e 93/2019, que concedem Títulos de Cidadania Mossoroense a Francisco Barreto de Medeiros e a Raimunda Cecília Bezerra da Costa, de autoria do vereador Rondinelli Carlos (PMN).

Também aprovou os PDLs 201/2018, 1/2019, 94/2019 e 136/2019, que concedem, respectivamente, Títulos de Cidadania Mossoroense a Keity Mara Ferreira de Souza e Saboya e a Hermann de Araújo Lima; Medalha do Mérito Judiciário Amaro Cavalcante a Expedito Ferreira de Souza e Medalha do Mérito Humanitário Padre Guido Tonelotto a Chrystian de Saboya. As homenagens foram propostas pelo vereador Professor Francisco Carlos (PP).

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.