Empresa Cidade do Sol solicita apoio dos vereadores para transporte coletivo na cidade

por Amanda Santana Balbi publicado 27/02/2019 13h18, última modificação 27/02/2019 13h18
Empresa atua desde 2016 em Mossoró
Empresa Cidade do Sol solicita apoio dos vereadores para transporte coletivo na cidade

Foto: Edilberto Barros

O diretor da empresa de transporte coletivo Cidade do Sol, Waldemar Araújo, utilizou a tribuna popular da sessão ordinária desta quarta-feira (27) para pedir apoio dos vereadores ao transporte coletivo de Mossoró.

De acordo com Waldemar, a empresa atua desde 2016 na cidade e mudou o transporte coletivo de Mossoró. Hoje, os ônibus que circulam aqui possuem elevador para deficientes, bilhetagem eletrônica, biometria facial para os usuários que tem direito a gratuidade e GPS que proporciona o acompanhamento, em tempo real, do trajeto dos ônibus. “Os usuários podem inclusive acompanhar o ônibus e saber o momento exato que ele irá chegar em determinada parada”, explicou Waldemar.

E para continuar melhorando os serviços, a empresa Cidade do Sol solicitou maior fiscalização para combater o transporte clandestino na cidade, melhorar a estrutura das ruas e incentivo para que o mossoroense utilize mais este serviço. “Em Mossoró existe muito transporte clandestino, uma quantidade grande de mototaxis, de transporte por aplicativos sem fiscalização. Isso acaba prejudicando o transporte coletivo regular. E a manutenção das ruas é fundamental para a passagem dos ônibus com segurança e conforto aos passageiros”, explicou.

Apoio

Os vereadores da Câmara Municipal de Mossoró se colocaram a disposição da empresa Cidade do Sol para buscar soluções para a continuidade da empresa na cidade. “É uma empresa que presta um serviço importante e de qualidade para o mossoroense. E gera empregos na cidade”, declarou o vereador Petras.

O vereador Genilson Alves declarou que vai procurar, junto aos demais vereadores, aprovar projetos de lei que beneficiem o transporte coletivo na cidade. Aline Couto também declarou apoio “Esta Casa vai apoiar a empresa. Pedimos pra que a Secretaria de Mobilidade Urbana coíba o transporte ilegal e auxilie o transporte coletivo de ônibus em Mossoró. Uma cidade com o porte de Mossoró não pode ficar sem transporte”, reforçou Aline Couto.

Os vereadores Raério Araújo, Maria das Malhas, Rondinelli Carlos, Alex Moacir, Ozaniel Mesquita, Alex do Frango, Francisco Carlos, Manoel Bezerra, Sandra Rosado, Ricardo de Dodoca também demonstraram apoio à empresa e se colocaram a disposição para buscar soluções.

 

 

 

 

 

 

 

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.