Isolda lamenta ‘retenção de recursos’ para Maternidade Almeida Castro

por Regy Carte publicado 18/09/2018 11h18, última modificação 18/09/2018 11h18
Vereadora também se diz preocupada com clima de campanha
Isolda lamenta ‘retenção de recursos’ para Maternidade Almeida Castro

Vereadora Isolda Lula Dantas na sessão desta terça-feira (18)

A vereadora Isolda Lula Dantas (PT) se diz indignada com bloqueios judiciais recorrentes das contas da Prefeitura de Mossoró em favor da Maternidade Almeida Castro/Associação de Proteção à Infância e Maternidade de Mossoró (Apamim).

“Causa indignação ser preciso usar medida judicial para garantir um repasse financeiro, que é obrigatório. É lamentável que a Prefeitura de Mossoró retenha recursos por meras questões políticas”, disse a parlamentar, na Câmara Municipal, hoje (18).

Eleições

Isolda Dantas acrescentou estar preocupada com rumos da campanha eleitoral em Mossoró. “Nos deixa assustadas o fato de a chefe do Executivo se prestar ao papel de ir a um bairro popular, incitar ódio e fazer insinuações levianas contra o PT”, comentou.

Lembrou que o PT lutou contra ditadura, é filho da democracia, e não de capitanias hereditárias e de oligarquias. “Perdeu a capacidade de distinguir quem é lobo e quem é cordeiro: lobo é quem votou contra a população e está ao lado dela”, concluiu.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.