Raério pede melhorias em praça e transporte escolar

por Regy Carte publicado 11/06/2019 12h57, última modificação 11/06/2019 12h57
Vereador volta a pedir mais eficiência em serviços públicos
Raério pede melhorias em praça e transporte escolar

Vereador Raério, em discurso na tribuna do plenário, sessão desta terça-feira, 11 (foto: Edilberto Barros)

Em pronunciamento na Câmara Municipal de Mossoró, nesta terça-feira (11), o vereador Raério (PRB) relatou recente visita à praça popularmente conhecida como Praça do Carcará (Centro), onde constatou banheiros sujos, acúmulo de lixo, despejo de esgoto no Rio Mossoró, quadra de esportes abandonada, entre outros problemas, segundo ele.

“Essas situações precisam ser resolvidas, com urgência. Uma praça que serve à alimentação, nessas condições... Um absurdo. Em relação à sujeira dos banheiros, os comerciantes propõem que sejam individualizados, para que cada um possa cuidar do banheiro da sua loja”, disse.

Educação

O vereador também reivindicou melhorias no transporte escolar na zona rural, e citou como exemplo da ineficiência do serviço a comunidade Piquiri (BR-304), onde estudantes estão há cerca de trinta dias sem ônibus escolar, segundo ele, “caminhando no sol, às 11 horas da manhã”, conforme diz ter ouvido relatos de mães em programas de rádio.

Infraestrutura

No mesmo pronunciamento, Raério voltou a criticar paralisação de obras da Prefeitura, ao citar o Centro de Reabilitação do bairro Santo Antônio, Unidades de Ensino Infantil (UEIs) dos conjuntos Vingt Rosado, Independência, Jardim das Palmeiras, CRAS do Jardim dos Palmeiras, restauração do Ginásio de Esportes Pedro Ciarlini – todas paradas, segundo ele.

Participaram do debate suscitado por Raério os vereadores Gilberto Diógenes (PT), Professor Francisco Carlos (PP), Alex Moacir (MDB), Rondinelli Carlos (PMN), Izabel Montenegro (MDB), Alex do Frango (PMB), Petras (Democratas).

 

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.