Rondinelli Carlos lamenta corte de recursos para Polícia Civil

por Regy Carte publicado 27/02/2019 12h05, última modificação 27/02/2019 12h10
Vereador pede que Governo do Estado reconsidere decisão
Rondinelli Carlos lamenta corte de recursos para Polícia Civil

Vereador Rondinelli Carlos na tribuna, nesta quarta-feira, 27 (foto: Edilberto Barros/CMM)

O vereador Rondinelli Carlos (PMN) protestou, na Câmara Municipal de Mossoró, hoje (27), contra a decisão do Governo do Estado de contingenciar 50% do Orçamento da Polícia Civil do Rio Grande do Norte.

“É necessário que a Câmara Municipal de Mossoró se mobilize contra essa decisão, porque, se está difícil o trabalho da Polícia Civil já com poucos recursos inicialmente previstos, imagine com esse corte”, alertou.

O parlamentar disse causar ainda mais indignação o valor bloqueado não corresponder sequer a 1% do Orçamento do Estado, portanto, medida com grande prejuízo à segurança, mas com pouco impacto financeiro.

Rondinelli Carlos questiona como exigir dos escrivães, delegados, agentes civis um trabalho mais eficiente, se convivem com insuficiência de pessoal e, agora, corte em um volume de recursos, que já era reduzido.

Reconsideração

“Fica o nosso apelo do para que a governadora Fátima Bezerra reveja a decisão, e tenho certeza de que essa é uma bandeira de toda a Casa Legislativa, pois queremos que a segurança funcione a contento”, concluiu.

Somaram-se ao pronunciamento de Rondinelli Carlos os vereadores Petras Vinícius (DEM), Sandra Rosado (PSDB), Raério (PRB), Ozaniel Mesquita (PR), Manoel Bezerra (PRTB) e Genilson Alves (PMN).

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.