Sandra Rosado pede solução para atrasos à Liga de Câncer

por Regy Carte publicado 12/03/2019 12h01, última modificação 12/03/2019 12h01
Não há repasse há um ano, e a dívida chega a R$ 7,5 milhões
Sandra Rosado pede solução para atrasos à Liga de Câncer

Sandra Rosado faz alerta para possível suspensão de atendimento (foto: Edilberto Barros/CMM)

A vereadora Sandra Rosado (PSDB) protestou contra atrasos de pagamento do Governo do Estado à Liga Mossoroense de Estudos e Combate ao Câncer (LMECC), na sessão de hoje (12) da Câmara Municipal de Mossoró. Não há repasse há um ano, e a dívida chega a R$ 7,5 milhões.

“Isso é uma falta de compromisso com a saúde. Não posso acreditar que nenhum mossoroense, homens e mulheres, pessoas que acreditam e que lutam, sejam contra o repasse à Liga. O que está em jogo é o tratamento contra o câncer para centenas de pessoas carentes”, frisa.

Sandra lembra que cobrou atualização dos repasses à Liga durante todo o Governo Robinson Faria, e mantém a coerência ao fazer o mesmo na gestão Fátima Bezerra. E defendeu diálogo. “Temos a informação de que a Liga procurou o Estado, mas a conversa não avançou”, lamentou.

Preocupação

A situação, segundo ela, gera apreensão nos mais de 300 pacientes atendidos, através do Centro de Oncologia (antigo Hospital Santa Luzia) e do Hospital da Solidariedade, com radioterapia, quimioterapia e cirurgias. O receio é que o atendimento seja novamente interrompido.

“Essa situação prejudicaria Mossoró e outros 64 municípios. É necessário que o Governo do Estado sane esse problema, para que o pagamento seja efetivado, a fim de que centenas de pacientes oncológicos pelo SUS não sejam prejudicados”, reforça a vereadora.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.